Os melhores remédios caseiros para o tratamento

O que é asma?

A asma é uma doença inflamatória crônica das vias aéreas que pode estreitar as vias aéreas e os brônquios, causando tosse e falta de ar. A asma não pode ser curada, mas geralmente pode ser bem tratada com medicamentos. A doença pode ser dividida em alérgico e asma intrínseca (não alérgica). Em pessoas afetadas com asma alérgica, o sistema imunológico reage exageradamente a substâncias inofensivas, como pólen, ácaros da poeira doméstica, pêlos de animais ou esporos de mofo. A asma não alérgica ocorre mais frequentemente em pessoas com idades entre trinta e quarenta anos.

Quais remédios caseiros aliviam os sintomas da asma?

Embora a asma não possa ser curada, ela pode ser facilmente controlada com medicamentos anti-inflamatórios e broncodilatadores. Assim, os sintomas podem ser bem tratados. Com um tratamento ideal, você pode até alcançar o desempenho total. Todo asmático deve ter um spray broncodilatador que funcione rapidamente em caso de crise de asma grave.

Além do tratamento medicamentoso, a seguinte ajuda Dicas e remédios caseiros na asma:

1. Esportes de resistência

Os asmáticos devem se exercitar regularmente e, acima de tudo, focar no treinamento de resistência, como corrida ou ciclismo, que melhora a função pulmonar e as trocas gasosas e fortalece todo o sistema cardiovascular. No entanto, você deve evitar o esforço físico excessivo, tanto quanto possível. É melhor discutir até que ponto você pode treinar com seu médico.

2. Ervas medicinais contra a asma

Existem várias ervas medicinais que ajudam nas doenças respiratórias e, portanto, contra a asma. Preparado como um envoltório de peito ou como um chá, as ervas inibem principalmente a inflamação.

  • Tomilho: Ajuda a relaxar os músculos brônquicos. A planta medicinal também tem um efeito expectorante.
  • hera: A hera tem um efeito calmante e antiespasmódico em doenças respiratórias inflamatórias e espasmódicas.
  • musgo islandês: é muitas vezes tomado para resfriados. Os asmáticos também se beneficiam do alívio expectorante e rápido.
  • Funcho: Não só ajuda com queixas gastrointestinais, mas também acalma o trato respiratório e promove a ejeção de muco.
  • banana: Relaxa todo o corpo, libera as vias aéreas e brônquios e é expectorante.

3. Férias à beira-mar ou nas montanhas

O ar em grandes altitudes ou regiões costeiras é bom para os pulmões porque o ar é particularmente limpo. O ar salgado do mar, em particular, tem um efeito expectorante e facilita a tosse. Seja a costa alemã do Mar do Norte ou o clima ameno do Mediterrâneo – ambos são benéficos e trazem alívio.

4. Inalação regular

As férias de verão ainda estão longe? Então você pode preencher a lacuna com a inalação regular. A inalação regular hidrata as membranas mucosas e solta a fleuma. A inalação generalizada sobre uma panela com água salgada é de pouca utilidade – as vias aéreas superiores são umedecidas, mas não as inferiores. Com a ajuda de um inalador eletrônico, os vapores salgados chegam aos pulmões. Soluções salinas isotônicas a 0,9% são ideais. Na melhor das hipóteses, os asmáticos devem inalar por alguns minutos por dia. As companhias de seguro de saúde geralmente cobrem os custos de compra de um inalador elétrico.

5. Intestino saudável

Uma flora intestinal intacta está intimamente relacionada com a asma: uma vez que a maior parte do nosso sistema imunitário está localizada nos nossos intestinos, é co-responsável por muitas doenças. Os asmáticos costumam ter uma flora intestinal danificada (disbactéria), que pode ser causada por hiperacidez ou pelo uso de antibióticos. Um desequilíbrio bacteriano se desenvolve à medida que bactérias putrefativas insalubres podem proliferar, o que pode levar a danos ao revestimento intestinal. A mucosa intestinal fica mais permeável e podem entrar na corrente sanguínea substâncias que o sistema imunológico reconhece como corpos estranhos e combate. Todo o organismo fica, portanto, mais sobrecarregado e pode levar à sensibilidade imunológica, o que pode resultar em asma.

Então o que fazer? Portanto, coma o mais saudável e rico em fibras possível. Para uma saúde intestinal intacta, é recomendável consumir regularmente alimentos anti-inflamatórios, como ervas, alho ou gengibre. Você também deve comer muitas frutas e vegetais e alimentos com probióticos, como iogurte, kefir ou chucrute. Evite a gordura saturada encontrada em fast food, como hambúrgueres, batatas fritas ou pizzas prontas para comer. Desconfie também dos sulfitos encontrados no vinho, sucos de frutas e frutas secas.

Alguns produtos animais e vegetais que são notórios pela intolerância também podem agravar os sintomas da asma. Estes incluem leite de vaca, trigo, amendoim ou frutos do mar.

6. Vitamina D

A deficiência de vitamina D também tem um efeito negativo na função pulmonar. Se os asmáticos não tiverem vitamina D suficiente, os processos anti-inflamatórios responsáveis ​​​​pela liberação de substâncias anti-inflamatórias podem ser bloqueados. Especialmente no inverno, os asmáticos percebem um agravamento da asma. Para evitar uma deficiência de vitamina D, você deve absorver o máximo de luz do dia possível durante a estação fria.

7. Prevenir o estresse

A tensão interna pode piorar os sintomas existentes ou até mesmo desencadear ataques de asma. Portanto, tente reduzir o estresse no dia a dia e, principalmente, evitar o estresse no trabalho. Meditar ou aprender técnicas especiais de relaxamento pode ajudá-lo a ficar mais relaxado. O exercício regular também reduz o estresse e proporciona paz interior.

Leave a Reply

Your email address will not be published.